Sos Van Gogh Lyrics
[Letra de “Van Gogh” com SOS] [Refrão] Me sinto Van Gogh, no espelho Van Gogh
Brilhante de Van Gogh
E se eu não for compreendido tipo Van Gogh
Eu tomo outro porre
Pra me alcançar, corre
Quem sabe um dia isso explode

 

[Ponte] Talvez cem ou além, uns duzentos à frente
Eu não entendo ninguém, tenho que voltar no tempo
Em me sinto na frente, eles não me entendem
Andar pra trás, não entendo, obras de outros tempos
E eu nem fiz força, nem preciso me esforçar
Rimo na onda, MDMA
Tá tudo lento, eu vou desmaiar
Ah-ya, ah-ya, ah-ya-ya
Ah-ya-ya, ah-ya, ah-ya-ya
Ah-ya-ya, ah-ya

 

[Verso] Enquanto aqui o tempo não para
Minha linha no tempo tá falha
No trap igual flecha, igual bala
Não traga sua Glock que eu “plow-plow”
É flow de Saturno pra Nasa, convidado pra uma premiere
Meu flow Red Bull te dá asas, faz a porra desse chão tremer (Vê legal)
Puta merda, flow fenomenal, nem preciso pôr a nove pra ser fatal
Mano, se eu pegar a 9 vai ser fatal
Protegendo minhas esquinas, normal
Fiz sons rasos pra tu achar legal
Um deslize nessa porra é fatal
Me escutam porque o resto é igual
Mas eu sei, vencerei no final
Sempre atropelo, mano, eu não olho o sinal
Não fica perto, mano, esse som é um sinal
Não sou maior que ninguém, só não sou igual
Voltando no tempo pra você achar legal

Check Out:  Dexta Daps - Episode 1. Heartless Lyrics

 

[Ponte] Talvez cem ou além, uns duzentos à frente
Eu não entendo ninguém, tenho que voltar no tempo
Em me sinto na frente, eles não me entendem
Andar pra trás, não entendo, obras de outros tempos
E eu nem fiz força, nem preciso me esforçar
Rimo na onda, MDMA
Tá tudo lento, eu vou desmaiar
Ah-ya, ah-ya, ah-ya-ya
Ah-ya-ya, ah-ya, ah-ya-ya
Ah-ya-ya, ah-ya

Check Out:  Un Corazón - Corazón Abierto Lyrics

 

[Refrão] [Refrão] Me sinto Van Gogh, no espelho Van Gogh
Brilhante de Van Gogh
E se eu não for compreendido tipo Van Gogh
Eu tomo outro porre
Pra me alcançar, corre
Quem sabe um dia isso explode
Me sinto Van Gogh, no espelho Van Gogh
Brilhante de Van Gogh
E se eu não for compreendido tipo Van Gogh
Eu tomo outro porre
Pra me alcançar, corre
Quem sabe um dia isso explode